Estão caindo escorpiões do céu

Estariam escorpiões brotando da terra ou, quem sabe, uma torrencial chuva destes artrópodes aracnídeos está a se derramar como numa nova praga bíblica? Para acalmar as almas agitadas, nem uma coisa e nem outra.

Escorpiões tendem a aparecer por estas épocas já há algum tempo. Agora estão mais em evidência. Há um aumento da sua população.

Quando foi constatado que apareceram em Porto Alegre, parece que relatos de que também se materializaram em outras localidades periféricas começaram a pipocar.

Pode acontecer, pode ser verdade.

Mas, basicamente, escorpiões não saem voando em nuvens e se espalham alucinadamente a ponto de infestarem, como uma praga de gafanhotos, tudo a seu redor.

Possuem boa capacidade reprodutiva. Mas nem tanto para distribuírem-se assim tão rápido.

O que importa mesmo são os cuidados para evitar que algum deles adote sua casa como moradia para o veraneio.

Simplesmente tomar todas as medidas possíveis contra as baratas, que são a delícia gastronômica dos tais escorpiões.

Manter pátios e casas limpas e sem empilhamento de coisas, manusear com cuidado e luvas montes de materiais e vedar frestas de pisos e paredes.

Medidas simples que evitarão o apocalipse escorpiano que tantos anunciam.

Luciano Reis


O Aponte não se responsabiliza pela opinião de seus colunistas. A seção de opinião é feita de forma voluntária pelos colaboradores do portal e expressam a opinião pessoal deles – que não necessariamente é a do Aponte.


Confira outras colunas publicadas no Aponte: